Yves Herman/Reuters
Yves Herman/Reuters

China e UE podem fechar acordo de investimentos nesta semana

Segundo uma autoridade do bloco europeu, acordo dará acesso maior ao mercado da segunda maior economia do mundo

Reuters, O Estado de S.Paulo

28 de dezembro de 2020 | 12h41

BRUXELAS - A China e a União Europeia (UE) devem fechar um acordo de investimento nesta semana que dará às empresas do bloco europeu um acesso muito melhor ao mercado chinês e proteção para seus ativos no país asiático, disse uma autoridade sênior da UE nesta segunda-feira, 28.

As negociações sobre o acordo começaram em 2014, mas ficaram paralisadas por anos, já que a UE se queixava de que a China não cumpria promessas de retirar restrições aos investimentos do bloco, apesar da promessa de abertura da segunda maior economia do mundo.

Mas as tensões nas relações comerciais entre os Estados Unidos e a China podem ter ajudado a mudar a posição chinesa e o alcance de um acordo entre Pequim e Bruxelas, disse a autoridade.

“O acordo já pode ser fechado nesta semana”, disse ela, acrescentando que o pacto, que poderia ser fechado durante uma videoconferência na quarta-feira, será traduzido para textos legais ao longo de vários meses.

“Conseguiremos um acesso muito melhor ao mercado e a proteção de nossos investimentos na China. Um melhor acesso ao mercado é algo por que trabalhamos há muitos anos e os chineses deram um grande passo em nossa direção”, disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.