China incentiva empresas a investirem no exterior

As condições estão prontas para que as companhias chinesas acelerem a expansão no exterior, disse neste sábado o vice-presidente do banco central da China, Yi Gang. A China possui capital suficiente internamente e seu Produto Interno Bruto (PIB) per capita, que ultrapassa US$ 5 mil, indica que chegou a hora das empresas locais aumentarem seus investimentos no exterior, afirmou Yi, em um fórum econômico em Pequim.

RENAN CARREIRA, Agencia Estado

21 de julho de 2012 | 11h53

Ele também disse que uma desaceleração da economia global reduziu o valor de mercado de companhias estrangeiras, enquanto a flutuação do yuan nos dois sentidos é boa para empresas que detêm grandes posições em moedas estrangeiras.

Mas as empresas chineses deveriam minimizar suas relações com o governo ao fazer aquisições nos mercados do exterior, o que vai tornar mais fácil para elas a obtenção da aprovação dos reguladores estrangeiros, disse Yi. No fórum, ele também afirmou que o yuan está muito próximo de seu nível de equilíbrio. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinainvestimentoexteriorexpansão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.