China não resolverá problemas da América Latina, diz jornal

No momento em que o presidente da China, Hu Jintao, está em missão comercial na América Latina, o jornal britânico Financial Times alerta nesta segunda-feira, em editorial, os governantes da região para que não "desperdicem a demanda da China", mas que os recursos "não serão panacéia". Para o jornal, a economia da América Latina enfrenta perigos, apesar da aproximação com a China. Segundo o diário britânico, o crescimento da China deve cair no próximo ano, o que pode baixar os preços dos principais produtos de exportação latino-americana. O Financial Times também alerta os governos para que evitem que os investimentos diretos da China na região sejam feitos em setores que não tenham ligação com toda a economia, como aconteceu no passado. O jornal diz ainda que os enormes desafios econômicos da região não serão resolvidos simplesmente com investimentos da China. O editorial recomenda que a região mantenha disciplina fiscal para garantir a estabilidade. O Financial Times argumenta também que a América Latina precisa investir em micro e pequenas empresas e atrair investimentos e tecnologia dos países industrializados. Dessa forma pode criar empregos e resolver seus problemas sociais, segundo o jornal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.