finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

China não sabe se participará do encontro do G-7

A China ainda não decidiu se irá participar como observador da reunião de ministros de Finanças do G-7, marcada para o próximo mês, em Washington DC, disse o ministro de Finanças chinês, Jin Renqing. Provavelmente, a China não está muito entusiasmada com a idéia devido à crescente especulação de que o encontro deverá ser usado por Washington para persuadir Pequim a mudar seu regime cambial para um mais flexível.

Agencia Estado,

03 de setembro de 2004 | 18h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.