Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

China se compromete a estreitar laços comerciais com a Índia

Presidente da China se comprometeu a tomar decisões para estimular as exportações da Índia para a China e reduzir o déficit comercial de US$ 27 bilhões com seus vizinhos  

Patrícia Braga, da Agência Estado,

29 de março de 2012 | 18h00

NOVA DELI - A China concordou nesta  abrir mais suas portas para as exportações indianas em encontro entre líderes dos dois países, fora da cúpula nas nações dos mercados emergentes.

O presidente da China, Hu Jintao, se comprometeu a tomar decisões para estimular as exportações da Índia para a China e reduzir o déficit comercial de US$ 27 bilhões com seus vizinhos durante as conversações com o primeiro-ministro Singh em Nova Deli.

Hu prometeu à Índia "facilitar a entrada de produtos indianos e exportações para o mercado chinês, reduzindo dessa forma o desequilíbrio comercial", afirmou Syed Akbaruddin, porta-voz do ministério do Exterior.

Hu participa em Nova Deli da cúpula dos BRICS - Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul - que tem por objetivo aumentar as alianças com seus aliados em assuntos globais e expandir as relações comerciais. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
BRICSexportações

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.