China tem maior taxa de inflação dos últimos 11 anos

Taxa registrada em novembro foi de 6,9%, puxada pela alta nos preços de alimentos.

Quentin Somerville, BBC

11 de dezembro de 2007 | 09h25

A taxa de inflação da China atingiu em novembro seu maior nível em 11 anos - 6,9% no acumulado dos últimos 12 meses.A alta foi bastante influenciada pelo preço dos alimentos da cesta básica chinesa, sobretudo a carne de porco e o óleo de cozinha, que vinha subindo nos últimos meses.Em novembro, o preço desses itens aumentou em mais de 18%, forçando algumas famílias a cortar a carne da dieta e substituí-la por mais arroz e legumes.Muitos chineses estão revoltados com o fato de os preços subirem rapidamente enquanto os salários não acompanham o mesmo ritmo, apesar do grande sucesso econômico do país.Economistas dizem que os produtores agora estão aumentando seus cultivos, para responder à alta dos preços.Isso pode significar uma maior oferta nos mercados e na mesa do consumidor nos próximos meses.Os números revelados em novembro explicam por que o governo chinês recentemente declarou que a luta contra a inflação deve ser uma de suas prioridades em 2008.No passado, a inflação alta já provocou protestos e revoltas no país.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.