EFE
EFE

Chocolate com DNA suíno tem recall após boicote muçulmano

Testes do Ministério da Saúde do governo da Malásia detectaram componente vetado pelas leis do Islã, o que motivou revolta dos religiosos e a retirada dos produtos do mercado

Agência Estado,

28 de maio de 2014 | 10h29

KUALA LUMPUR - A fabricante de alimentos Cadbury anunciou um recall de chocolate na Malásia depois que mais de uma dezena de organizações muçulmanas pedirem um boicote dos produtos da marca, após a descoberta de que os chocolates contém DNA suíno.

A Malaysia Cadbury retirou do mercado dois produtos. O DNA suíno foi constatado em uma inspeção periódica do Ministério da Saúde para detectar a presença de ingredientes considerados não-halal (alimentos proibidos pelo Coorão para os muçulmanos).

As autoridades anunciaram que duas de três amostras de produtos da Cadbury continham vestígios de DNA suíno.

Os produtos afetados são o Cadbury Dairy Milk Hazelnut e o Cadbury Dairy Milk Roast Almond, que foram prontamente retirados das prateleiras dos supermercados do país e das lojas de conveniência.

Como a maioria das indústrias de alimentos locais, a Malaysia Cadbury tem seus produtos certificados como halal. Isso significa que eles estão em conformidade com as restrições alimentares do Islã, que proíbe o consumo de carne suína, por exemplo. Os muçulmanos constituem mais de 60% da população da Malásia.

A Malásia se orgulha de seu rigoroso sistema de certificação halal. Jakim, o órgão do governo encarregado do processo, fornece atualizações regulares em seu site sobre as empresas que obtiveram o status halal. A certificação da Jakim é amplamente reconhecida nas comunidades muçulmanas em todo o mundo.

Após o anúncio, consumidores expressaram indignação nas redes sociais. A Malaysia Cadbury, cuja página no Facebook tem mais de 9 milhões de seguidores, recebeu diversas mensagens exigindo um pedido de desculpas.

A empresa disse que entende a decepção dos consumidores e está realizando uma revisão completa de sua cadeia de suprimentos para garantir o cumprimento dos padrões halal. O governo disse que realizará inspeções rigorosas em todos os produtos da Malaysia Cadbury, para garantir que eles sejam seguros para o consumo da comunidade muçulmana. 

Cadbury Brasil. A Cadbury, marca de confeitos britânica fundada em 1824, distribui a marca Adams no Brasil.

A Cadbury do Brasil tem fábrica em Bauru, no interior de São Paulo, onde produz as marcas Trident, Halls, Chiclets e Bubbaloo, para o mercado interno. Uma parte da produção é exportada para países como África do Sul, Colômbia, Estados Unidos, entre outros.

Em janeiro de 2010, a Kraft Foods dos Estados Unidos comprou a Cadbury por US$ 19,5 bilhões.Com agências internacionais.

Tudo o que sabemos sobre:
IslamismoChocolate

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.