Cinco milhões precisam de emprego no país

Cerca de cinco milhões de italianos precisam de emprego, número quase duas vezes e meia superior aos números oficiais de desemprego, afirmou o Instituto Nacional de Estatísticas. Segundo o instituto, há 2,1 milhões de pessoas desempregadas e 2,9 milhões "dispostas a trabalhar", mas que não estão procurando emprego.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.