Citi suspende poupança e crédito imobiliário

O Citibank decidiu paralisar suas operações de operações de crédito imobiliário e poupança. Umberto Fabbri, diretor executivo do Citibank, disse que estava havendo baixa demanda por crédito imobiliário por parte dos clientes da instituição, o que fez com o banco desistisse de operar no segmento. Ele negou que a inadimplência (atraso de pagamentos) fosse fator determinante para a instituição deixar de operar no crédito imobiliário. Atualmente a instituição possui 5 mil clientes no crédito imobiliário e com uma renda menor do que a média da instituição. A carteira de empréstimo imobiliário do Citi é de US$ 60 milhões.O banco possui 27 mil aplicadores em caderneta de poupança. Fabbri afirmou que a captação da caderneta de poupança é declinante e o saldo de caderneta de poupança na instituição é equivalente a US$ 100 milhões. Ele disse ainda que várias instituições têm se interessado em adquirir a carteira de crédito imobiliário do Citibank e que as negociações encontram-se em andamento.

Agencia Estado,

13 de dezembro de 2000 | 07h51

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.