Citroën inicia recall de 97 mil veículos modelo C4

Carros correm o 'risco de pane elétrica e, eventualmente, princípio de incêndio no compartimento do motor, com risco de acidente', segundo fabricante

Gustavo Porto, da Agência Estado,

18 de junho de 2012 | 11h53

SÃO PAULO - A Peugeot Citroën do Brasil anunciou nesta segunda-feira, 18, o recall de 97.238 veículos dos modelos C4 hatch, fabricados de julho de 2008 a dezembro de 2011, e C4 Pallas, produzidos de dezembro de 2006 a dezembro de 2011, por problemas nos componentes que evitam a infiltração de água no compartimento do motor. Segundo comunicado divulgado pela companhia, os veículos correm o "risco de pane elétrica e, eventualmente, princípio de incêndio no compartimento do motor, com risco de acidente".

Segundo a assessoria de comunicação da companhia, os proprietários de 39.038 veículos C4 hatch, com chassi de 9G59039 até CG533839, e os de 58.200 C4 Pallas, com chassi de 7G502811 até CG533700, devem procurar, a partir desta segunda-feira, 18 de junho, as concessionárias da marca no País para agendar a vistoria dos automóveis e, se necessárias, a substituição ou a agregação de peças que evitem o problema. O tempo estimado pela Citroën para a realização do serviço gratuito é de aproximadamente uma hora.

A montadora disponibilizou ainda o site www.citroen.com.br e o telefone 0800-011-8088 para informações.

Tudo o que sabemos sobre:
recallPeugeot Citroen

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.