Claro espera retomar vendas ainda nesta semana

O presidente da Claro, Carlos Zenteno, disse na segunda-feira esperar que a venda de chips da operadora possa ser retomada ainda nesta semana. Há uma semana, a empresa foi punida pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) com a proibição de ativar novas linhas em três Estados - Santa Catarina, Sergipe e São Paulo.

ANNE WARTH, Agencia Estado

30 de julho de 2012 | 19h27

"Estamos esperando com boa expectativa que isso seja resolvido já ainda nesta semana. Entendemos que praticamente toda a informação foi entregue", disse Zenteno, após se encontrar com o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo. "A qualquer momento estamos esperando uma boa notícia."

Zenteno informou que também se reuniu com o superintendente de Serviços Privados da Anatel, Bruno Ramos. Segundo o executivo, a agência não pediu novas mudanças no conteúdo do plano apresentado pela operadora, mas apenas na forma de apresentação dos dados. "Não foi nenhuma mudança de fundo ou conteúdo", afirmou. "Entendemos que toda a informação está pronta. Todos os detalhes já foram apresentados."

O presidente da Claro disse ainda que a empresa levantou dados relacionados à demanda de tráfego, inclusive para eventos especiais, e indicadores de investimentos por Estado. De acordo com ele, após as novas exigências da Anatel, a empresa vai investir R$ 3,5 bilhões neste ano, pouco mais de R$ 1 bilhão a mais do que o inicialmente programado.

Na reunião com o ministro, segundo ele, foram discutidos outros assuntos, como o projeto de construção de um cabo submarino.

Tudo o que sabemos sobre:
operadorassuspensãoClaro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.