Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Clientes da BRA enfrentam problemas em Cumbica

Passageiros fazem filas em busca de informações; quem tenta trocar bilhetes também tem problemas

12 de novembro de 2007 | 11h13

A situação continua complicada nesta segunda-feira, 12, para os passageiros da BRA no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Cumbica, Guarulhos. Segundo a Rádio Eldorado, Centenas deles fizeram fila desde o início da manhã até por volta das 9h30 em frente à loja da empresa para tentar obter informações. Um deles, identificado como Eduardo Gomes, disse que chegou às 6h30 para tentar ser acomodado num vôo de outra companhia e reclamou que não conseguia explicações. Em entrevista concedida à reportagem da Eldorado, ele disse que, depois de muito custo, só vai poder viajar às 15h50. "Vamos ver se agora dá certo. Fui acomodado num vôo da Gol, mas não foi fácil, houve muita burocracia. Agora, vamos ver se a gente embarca mesmo, à tarde. Está agendado, né?". Outros pessoas que tentam viajar pela Ocean Air enfrentam entraves ainda maiores. É que alguns vôos da companhia para o Nordeste, por exemplo, só ocorrem à noite. A informação que os passageiros recebem é de que estão numa lista de espera e devem permanecer no aeroporto até o período noturno para ver se conseguem embarcar.

Tudo o que sabemos sobre:
BRA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.