Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

CMN define hoje meta de inflação para 2010

O Conselho Monetário Nacional (CMN) se reúne hoje para definir a meta de inflação para 2010. Para 2008 e 2009, o centro da meta de inflação, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), é de 4,5%, com margem de tolerância de dois pontos porcentuais para mais ou para menos. Segundo a última pesquisa Focus, divulgada pelo Banco Central na segunda-feira da semana passada (dia 23), a previsão do mercado é de que o IPCA encerre este ano em 6,08% e termine 2009 em 4,78% - ambos, portanto, acima do centro da meta. No acumulado dos cinco primeiros meses deste ano, o IPCA acumula alta de 2,88%. Além da meta da inflação para 2010, o CMN definirá também a Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP) que vai vigorar no próximo trimestre (julho a setembro). A taxa, que está em 6,25% ao ano desde julho do ano passado, foi criada em dezembro de 1994 com a finalidade de estimular os investimentos nos setores de infra-estrutura e consumo. Ela é válida para financiamentos de longo prazo pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para o setor produtivo.O Conselho Monetário Nacional (CMN) é presidido pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, e integrado pelo ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, e pelo presidente do Banco Central, Henrique Meirelles. Normalmente, eles se reúnem na última semana de cada mês para deliberar sobre o Sistema Financeiro Nacional.

AE, Agencia Estado

30 de junho de 2008 | 07h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.