Fábio Motta|Estadão
Fábio Motta|Estadão

CMN reduz de 7,5% para 7% TJLP para período de 1º de abril a 30 de junho

A decisão foi tomada em reunião extraordinária e o anúncio aconteceu por meio do sistema de comunicação do Banco Central com o mercado financeiro, o BC Correio

Fernando Nakagawa, O Estado de S.Paulo

30 de março de 2017 | 23h05

BRASÍLIA - O Conselho Monetário Nacional (CMN) decidiu reduzir a Taxa de Juro de Longo Prazo (TJLP) de 7,5% para 7% ao ano. A decisão foi tomada em reunião extraordinária realizada nesta quinta-feira, 30, e o anúncio aconteceu nesta noite por meio do sistema de comunicação do Banco Central com o mercado financeiro, o BC Correio. Não houve anúncio público.

O juro de longo prazo usado como referência para os empréstimos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) estava em 7,5% desde o início de 2016. Segundo resolução assinada pelo presidente do BC, Ilan Goldfajn, a nova taxa vigorará no período entre 1º de abril e 30 de junho de 2017.

Principal referência para o crédito voltado ao financiamento de investimentos, como as operações do BNDES, a TJLP é calculada com base na meta de inflação e num prêmio de risco.

A reunião ordinária do CMN de março estava programada originalmente para esta quinta-feira, mas acabou sendo adiada para a sexta-feira e a decisão foi comunicada ontem à imprensa.

Não havia previsão de reunião extraordinária do Conselho e a agenda do presidente do BC, por exemplo, foi alterada para inclusão desse compromisso sem qualquer aviso.

Após a decisão, as agendas dos três ministros que participam das decisões do Conselho foram alteradas para a inclusão da reunião. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.