CNA: exportação do complexo soja deve gerar US$ 12 bi

O assessor técnico da Comissão Nacional de Comércio Exterior da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Antônio Donizeti Beraldo, estimou hoje que os embarques do complexo soja (grãos, óleo e farelo) renderão US$ 12 bilhões neste ano, resultado superior à receita cambial de US$ 9,3 bilhões do ano passado. Ele explicou que nos últimos três anos o Brasil tem sido o maior exportador mundial no complexo soja, ou seja, na soma dos três produtos.Em 2007, o Brasil também alcançará a liderança nos segmentos. "Na soja em grão, a liderança sempre foi dos Estados Unidos, mas neste ano vamos exportar mais que os americanos", comentou Beraldo. As exportações norte-americanas de soja em grão devem somar 25 milhões de toneladas e os embarques brasileiros, por sua vez, devem totalizar 25 milhões de toneladas. Ele lembrou que os preços da soja no mercado internacional estão em alta. Os preços médios do complexo subiram 22,2% no acumulado de janeiro a setembro. No período, a quantidade embarcada caiu 3,2%, mas a receita cambial cresceu 18,3%.

FABÍOLA SALVADOR, Agencia Estado

18 de outubro de 2007 | 17h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.