Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

CNA: PIB do agronegócio cresceu 3,73% até agosto

O Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio brasileiro cresceu 3,73% de janeiro a agosto, segundo estimativa da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) feita em conjunto com o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada da Universidade de São Paulo (Cepea/USP). A CNA destaca o crescimento equilibrado entre agricultura e pecuária e atribuiu o desempenho à melhora no segmento industrial do café e de processamento vegetal e os bons resultados da indústria de abates e de lácteos.Mesmo em ano de safra cheia, com recordes de produção e câmbio desvalorizado, os preços internacionais sustentaram os preços do mercado dos principais produtos agropecuários. As estimativas de novembro para o Valor Bruto da Produção (VBP) agropecuária indicam que o faturamento bruto do setor deverá aumentar 13,46%, em 2007, atingindo R$ 203,9 bilhões, ante o desempenho de R$ 178,9 bilhões de 2006. A previsão é de que o VBP da agricultura feche o ano em R$ 123,1 bilhões, frente aos R$ 107,5 bilhões de 2006, enquanto o faturamento da pecuária deve chegar a R$ 79,9 bilhões, com aumento de 11,86% em relação aos R$ 71,4 bilhões do ano passado.

AE, Agencia Estado

28 de novembro de 2007 | 14h32

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.