CNI destaca crescimento atual frente desaceleração de 2004

O boletim indicadores industriais divulgado hoje pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) destaca que apesar de a atividade industrial não exibir uma tendência "expansiva robusta", como a que aconteceu em 2004, mostra um crescimento importante, embora tímido por contrapor-se à tendência de desaceleração registrada a partir do quarto trimestre de 2004. A CNI ressalta também o resultado positivo das três variáveis ligadas diretamente à produção, que são horas trabalhadas, faturamento e nível de utilização da capacidade instalada.Segundo o boletim, o extraordinário desempenho das exportações é que tem sustentado grande parte do dinamismo da atividade industrial. O boletim mostra ainda que a demanda interna, embora mais enfraquecida em 2004, também guarda algum fôlego de expansão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.