CNI espera retomar crescimento industrial este mês

A acomodação de atividade da indústria brasileira no início de 2004 foi causada basicamente pela interrupção na queda dos juros e pelo escândalo do caso Waldomiro Diniz, afirmou hoje o coordenador da da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Flávio Castello Branco. Ele acredita que a partir deste mês haverá um crescimento da indústria. "A recuperação deve ser observada nos próximos meses, principalmente a partir de abril, porque os fatores que levaram à acomodação estão sendo resolvidos", disse.Ele ponderou, porém, que ainda é imprevisível a intensidade dessa recuperação, pois o comportamento das vendas do setor industrial depende fundamentalmente da trajetória de juros, tanto da taxa básica (Selic) quanto da cobrada pelos bancos. O economista acredita que a massa salarial deverá registrar ao longo de 2004 uma recuperação lenta e gradual. Segundo Castello Branco, a massa de salários pagos pela indústria em fevereiro foi a única variável da pesquisa de indicadores industriais da CNI, divulgada hoje, que mostrou uma firme trajetória de crescimento. "Para os próximos meses, as perspectivas são otimistas", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.