CNI: indústria deve crescer cerca de 5% em 2007

O presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Armando Monteiro Neto, afirmou hoje que o crescimento da indústria em 2007 deve ficar em torno de 5%. Segundo ele, os dados da produção industrial de outubro, divulgados hoje pelo IBGE, mostram que o nível de atividade está muito forte. A previsão da CNI é que o crescimento da indústria de transformação seja ainda mais forte entre 5,5% e 6%. Monteiro Neto acredita que a expansão do nível da atividade industrial no último trimestre do ano vai garantir um primeiro trimestre, em 2008, mais forte do que o de costume. Ele também avaliou que a indústria este ano deve ganhar mais espaço na formação do Produto Interno Bruto (PIB) nacional, uma vez que a indústria deve crescer mais que o setor de serviços. Porém, o presidente da CNI acredita que o crescimento industrial não deve superar o setor agropecuário. Ele destacou, entretanto, que o peso da indústria na formação do PIB é maior do que o setor agropecuário. Monteiro Neto acredita que a economia brasileira deva crescer 5% este ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.