finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

CNI reduz previsão de crescimento da economia em 2005

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) reduziu de 4% para 3,2% a previsão de crescimento da economia brasileira em 2005. A indústria também terá uma expansão menor do que a prevista inicialmente, avalia a CNI.O PIB industrial, formado pelo desempenho das indústrias de transformação, extrativa, construção civil e serviços industriais, deverá crescer 4,2%, ante a previsão de 4,8%. Para a indústria de transformação, a projeção de crescimento passou de 4,8% para 3,8%.

Agencia Estado,

14 de julho de 2005 | 12h14

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.