Cobre cai com aumento de juros na China

O cobre negociado em Londres caiu 2,16% e fechou a US$ 8.260,00 por tonelada após o banco central da China anunciar o primeiro aumento nos juros desde 2007, medida que deve desacelerar o ritmo de crescimento econômico do país e, consequentemente, a demanda interna por metais industriais. A China é o maior consumidor mundial desses produtos. O preço do cobre também foi pressionado pela apreciação do dólar, que encareceu a commodity para os detentores de outras moedas, e por dados que mostraram um forte declínio no número de licenças para a construção de casas nos EUA.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.