bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Com carteira, direitos garantidos

O trabalhador temporário tem praticamente os mesmos direitos do efetivo, desde que a contratação seja feita com carteira assinada. "Hoje, para cada trabalhador com carteira assinada, há dois informais no setor", afirma Vander Morales, diretor da Associação Brasileira das Empresas de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário (Assertten).Segundo ele, os candidatos não devem aceitar pagar nenhuma taxa para participar de qualquer processo de seleção. "Esse tipo de cobrança é ilegal."Entre os vários direitos do empregado temporário estão salário equivalente ao do efetivo, jornada diária de oito horas, repouso semanal remunerado, férias e o décimo terceiro salário proporcionais, além de proteção previdenciária.As exceções são aviso prévio e recebimento de multa de 40% sobre o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Mas o temporário demitido recebe indenização.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.