Com liquidações, comércio tenta salvar Natal ´modesto´

Depois de um Natal com crescimento médio de 3% nas vendas, considerado "modesto" pelo comércio, começa a temporada de liquidações para baixar estoques e reforçar o faturamento. O Magazine Luiza, o Ponto Frio e as Lojas Cem disputam nesta sexta-feira a atenção do consumidor com uma megaliquidação de um único dia e descontos de até 70% em produtos eletroeletrônicos, eletrodomésticos e móveis. As Lojas Cem querem dobrar seu faturamento com a promoção. Os descontos na Cem, em produtos de mostruário, vão de 30% a 50%. As vendas em dezembro da rede na comparação com as mesmas lojas em 2005 cresceram 5%, abaixo dos 10% estimados.No Ponto Frio, produtos novos em estoque também vão entrar na liquidação junto com itens de mostruário e de pontas de estoque. Os descontos são de até 70% e a liquidação é válida para as compras feitas no site da rede, com condições exclusivas de pagamento. Outros concorrentes, como as Casas Bahia e o CompreBem, na área de não-alimentos, entraram na disputa com saldões especiais.As vitrines de lojas dos shoppings também anunciam as primeiras liquidações. A Renner, por exemplo, dá descontos de 40% numa campanha que começa nesta quinta e vai até o dia 31. O shopping Interlar Interlagos espera um aumento de 12% nas vendas, a partir do dia 10, com uma campanha de queima de estoques.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.