Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Com lucro menor, Electrolux anuncia corte de 3 mil empregos

Fabricante de eletrodomésticos sueca informa que não mais conseguirá cumprir lucro de US$ 411,4 milhões

Marcílio Souza, da Agência Estado,

15 de dezembro de 2008 | 09h53

A fabricante de eletrodomésticos sueca Electrolux disse que não mais conseguirá cumprir sua previsão de lucro operacional para o ano, de 3,3 bilhões a 3,9 bilhões de coroas suecas (US$ 411,4 milhões a US$ 486,2 milhões), excluindo encargos extraordinários, como custos de reestruturação. O grupo também disse que irá demitir mais de três mil pessoas neste ano e no próximo.   Veja também:    Mercado prevê queda nos juros e expansão menor da indústria   Japão: confiança de empresários tem queda histórica   De olho nos sintomas da crise econômica  Dicionário da crise  Lições de 29 Como o mundo reage à crise    A companhia sueca acumula no ano até novembro lucro operacional, excluindo encargos extraordinários, de 2,7 bilhões de coroas. O grupo já havia reduzido sua previsão para todo o ano no segundo trimestre, da estimativa inicial de 4,84 bilhões de coroas. Na época, o grupo previu queda de 1% a 2% da demanda na Europa e de 5% a 8% nos EUA.   A companhia afirmou que a demanda continuou despencando na Europa e na América do Norte no final de novembro e em dezembro, prejudicando os volumes de vendas e o mix de produtos no quarto trimestre. Nos EUA, um importante mercado para a companhia, os volumes de entrega de produtos de linha branca caíram 9% em outubro, de acordo com a Associação dos Fabricantes de Eletrodomésticos do país.   A companhia disse esperar que as medidas de cortes de custos vão gerar economias de 1,1 bilhão de coroas por ano até 2010. A Electrolux irá registrar um encargo de 1,2 bilhão de coras no quarto trimestre. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Electroluxcrisedesemprego

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.