Com novo dono, Transbrasil terá 7 novos aviões

O grupo controlador da Transbrasil divulgou hoje comunicado informando a transferência do controle acionário da empresa. Os novos controladores, segundo o fato relevante, irão fazer um aporte imediato na companhia de US$ 25 milhões (cerca de R$ 59 milhões). Além disso, haverá outro investimento de R$ 200 milhões, dos quais R$ 35 milhões serão aplicados em breve e o restante no prazo de 180 dias da concretização da transferência acionária, prorrogáveis pelo mesmo período. Por fim, o comunicado também informa que os novos donos devem aumentar a frota da empresa em sete aeronaves, sendo três Boeing 737-200, dois 727-300 e dois 727-200F. Com isso, será possível que a companhia retome as operações de vôo dentro de poucos dias. O presidente do conselho superior de administração da Transbrasil, Antônio Celso Cipriani, irá renunciar ao cargo. A medida será aprovada em assembléia geral extraordinária (AGE), dia 30 de janeiro, às 11 horas. No encontro, serão eleitos novos membros para o conselho superior de administração da companhia, bem como seu presidente. Além disso, serão eleitos os membros titulares e suplentes do conselho fiscal da empresa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.