finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Comércio abriu vagas, indústria e construção fecharam

Queda da taxa de desemprego em outubro foi puxada pela abertura de postos de trabalho no varejo, segundo o IBGE

Daniela Amorim, Agência Estado

21 de novembro de 2013 | 10h05

RIO - O comércio criou 164 mil postos de trabalho na passagem de setembro para outubro, segundo a Pesquisa Mensal de Emprego, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado representou um aumento de 3,9% no número de ocupados no setor em outubro ante setembro. Na comparação com outubro de 2012, houve crescimento de 1,0%, com a criação de 42 mil vagas no comércio.

Na direção oposta, a indústria e a construção dispensaram trabalhadores. Em relação a setembro, houve retração de 2,4% no número de vagas na indústria, o equivalente a 90 mil trabalhadores demitidos. Em relação a outubro de 2012, a queda também foi de 2,4%, o mesmo que 89 mil vagas a menos.

Na construção, houve queda de 2,8% no número de ocupados em relação a setembro, 51 mil trabalhadores a menos. Em relação a outubro de 2012, a queda foi de 4,0%, ou 75 mil vagas cortadas.

Tudo o que sabemos sobre:
desempregoIBGE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.