Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Comércio com China deve chegar a US$ 20 bi em três anos

O comércio entre China e Brasil deverá chegar a US$ 20 bilhões dentro de três anos. A estimativa foi feita pelo embaixador da China no País, Jiang Yuande, que participou esta tarde de palestra promovida pela Câmara Americana de Comércio, no Rio. Para 2004, Yuande acredita que a soma de importações e exportações entre os dois países deverá girar em torno de US$ 10 bilhões.Durante o evento, o embaixador destacou a pujança econômica do seu país, citando que a China tem reservas cambiais da ordem de US$ 500 bilhões, vem crescendo à taxa média de 9,4% e sua corrente de comércio com o resto do mundo pode chegar a US$ 1,1 trilhão, bem acima dos US$ 851,2 bilhões em 2003.Segundo o representante, até o fim de 2003, havia cerca de 73 companhias chinesas instaladas no País, com investimentos da ordem de US$ 177 milhões. Yuande não precisou o valor dos investimentos previstos pelo país para o Brasil no ano que vem, mas citou que o país "está pronto para fazer bons investimentos no Brasil", citando, por exemplo, o setor de mineração.

Agencia Estado,

06 de dezembro de 2004 | 17h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.