Comércio de carro usado em SP cresceu 1,38% em abril

Um levantamento realizado pela Associação dos Revendedores Independentes de Veículos Automotores no Estado de São Paulo (Sindiauto/Assovesp) mostrou que o comércio de veículos usados continua em crescimento, mas com menor intensidade. Em abril, o volume vendido nas revendedoras independentes do Estado paulista foi estimado em 174,98 mil negócios, o que representa um aumento de 1,38% em relação a março deste ano. Na comparação com abril do ano passado, as vendas de carros usados no mês passado subiram 49,83%. As vendas de carros movidos a álcool continuam se valorizando mais do que as outras. Um aspecto interessante do levantamento da Assovesp mostrou que dos 174,98 mil negócios realizados no mês passado, 71,6% (ou 125.313) foram realizados com veículos de motor 1.0, o que significa uma queda de 0,75% em relação ao registrado no mês de março deste ano.FinanciamentosNo mesmo mês de abril, 74% dos negócios foram fechados com algum tipo de financiamento contra 71% observados um mês antes, em março. O prazo médio para pagamento do financiamento ficou estável em 47 meses em abril. O saldo financiado do negócio também ficou igual ao apurado em março deste ano, em 77% do valor total do veículo. MotosQuanto as motocicletas, foram negociadas 9.896 motos em abril deste ano, o que representa um aumento igual de 4,42% em relação a março de 2008.Dos negócios realizados com motos, em média, 79% foram financiados, equivalente a uma queda de 9% em relação ao mês de março. O prazo médio do financiamento foi de 38 meses, o que representa um mês a mais do que o concedido um mês antes. O saldo financiado foi, em média, de 85% do valor da transação. CaminhõesQuanto ao levantamento de negócios com caminhões, a Assovesp mostrou que em abril foi estimado um total de 5.727 de unidades vendidas, envolvendo algum tipo de veículo de carga, nas Revendas Independentes do Estado de São Paulo. Em relação a março deste ano, houve um aumento de 3,49% no comércio de caminhões usados. Já em relação a abril do ano passado, a alta é de 23,11%.Porém, a pesquisa mostra um dado que preocupa: os negócios financiados recuaram. Em abril deste ano, 56% dos negócios de caminhões foram financiados contra um porcentual de 61% em março. O prazo médio de financiamento de caminhões usados subiu dos 40 meses, acertados em março, para 46 agora em abril. Já o saldo médio financiado caiu de 67% para 65%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.