finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Comércio do Brasil não foi afetado

Os números do comércio exterior brasileiro ainda não foram afetados pelas turbulências no norte da África e Oriente Médio, disse o secretário-executivo do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Alessandro Teixeira. Porém, explicou ele, a balança comercial leva algum tempo para refletir mudanças num determinado mercado, Dos países afetados pela onda de manifestações, o que mais preocupa o Brasil é o Egito, disse Teixeira. O país ao lado da Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos e Irã, são os maiores mercados do Brasil na região.

, O Estado de S.Paulo

23 de fevereiro de 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.