Comissário europeu apoia Lula para revigorar Mercosul

O comissário europeu de assuntos econômicos, Pedro Solbes, ressaltou hoje o esforço do governo Lula para revigorar o Mercosul. "Os europeus estão muito atentos à continuidade do funcionamento do Mercosul", disse Solbes a jornalistas após proferir uma palestra no seminário XXX Jornadas de Mercados Financeiros, que contou também com a participação do presidente do Banco Central (BC), Henrique Meirelles. "Isso pode ser um grande fator de estabilidade para toda a região e é importante que essa boa experiência seja fortalecida e siga adiante." Segundo Solbes, o aumento do comércio entre os países do Mercosul tem que ser priorizado. Como referência para as perspectivas do Mercosul, o comissário europeu citou a integração européia, que segundo ele vem funcionando muito bem. "E pensamos que isso também pode ocorrer na América do Sul, embora obviamente existam diferenças entre os dois casos". Solbes também elogiou a condução da economia brasileira. "O Brasil vem realizando um esforço de modernização muito rápido já há algum tempo", disse. "O governo está no bom caminho ao seguir com políticas econômicas ortodoxas e ao continuar promovendo reformas estruturais e outras mudanças. Todos nós temos esperança de que isso siga adiante inclusive porque isso pode ser um dos grandes elementos de estabilidade para toda a região."Sobre as perspectivas de crescimento da economia européia neste ano, Solbes disse que os indicadores ainda são conflitantes, com dados positivos mas outros que geram incerteza. "Mas deveremos alcançar um crescimento de 1% neste ano", disse. "Em 2004, a taxa de crescimento deverá ser muito maior."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.