Companhia Energética de SP será vendida ano que vem

Com uma dívida de R$ 10 bilhões, a Companhia Energética de São Paulo (Cesp) - maior empresa de produção de energia elétrica do Estado e a terceira maior do País - será vendida no ano que vem segundo Jean Cesari Negri Toledo, gerente do Departamento de Planejamento Energético da empresa. Para tornar a empresa mais atraente, a Cesp está realizando uma oferta pública de ações no mercado. A companhia, que passa por um saneamento financeiro, poderá ser dividida em três companhias para fomentar o interesse da iniciativa privada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.