Companhias aéreas redescobrem a África

O Estado de S.Paulo

30 de setembro de 2012 | 03h08

Depois de décadas mal servida pelo transporte aéreo, a África está atraindo companhias da Europa e da Ásia interessadas no "boom" econômico que a alta da produção agrícola no continente deverá trazer. A British Airways já serve 19 destinos africanos, enquanto a Qatar Airways vai chegar à quarta rota no mês que vem. A econômica FastJet fará o primeiro voo ao continente em novembro. As economias da África ao sul do Saara devem crescer, em média, 5,3% em 2012, bem acima da maioria das economias emergentes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.