Compras de última hora estimulam vendas do Dia dos Namorados

O Dia dos Namorados impulsionou o comércio no País neste ano, que teve alta de 9,8% nas vendas entre 6 a 12 de junho, na comparação com o mesmo período do ano passado, segundo pesquisa divulgada nesta terça-feira pela Serasa. O levantamento revelou que a maior parte dos consumidores deixou para fazer as compras de última hora, responsáveis pelo aumento de 12,3% nas vendas no fim de semana anterior à data (9 a 12 de junho), em relação ao ano passado.A cidade de São Paulo teve o mesmo comportamento do comércio do Brasil, com alta de 11,3% nas vendas da semana ante o mesmo período de 2005. No fim de semana antes do Dia dos Namorados, o aumento das vendas foi de 13,8%, em relação ao mesmo período do ano passado.Segundo os técnicos da Serasa, as vendas do comércio no período registraram alta devido às promoções do varejo, ao início da Copa e à maior oferta de crédito ao consumidor. O outono, com temperaturas mais baixas, também colaborou para a ampliação das vendas, enquanto no Nordeste, as Festas Juninas tiveram impacto positivo nas vendas do comércio no período.A empresa de análise de crédito acredita ainda que a melhora na renda do consumidor, a correção do salário mínimo e a maior contratação com carteira assinada contribuíram para o aumento nas vendas, além da Copa do Mundo de futebol, que estimulou tanto as vendas de produtos de maior valor agregado, sempre com a participação do crédito, como as de menor valor.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.