Condomínio: o segundo aluguel

Se o consumidor não ficar de olho nas contas, o condomínio pode se tornar um segundo aluguel. Mas há algumas maneiras simples de controlar as despesas. Principalmente ao comprar ou alugar um apartamento. Como regra geral, quanto maior o número de apartamentos em um prédio, menor o condomínio. A presença de piscina, quadra de esporte, playground e outros benefícios, geram maior custo de manutenção. Os muros altos e os portões automáticos na garagem, indicam menos custos com segurança. A posição da portaria também deve permitir que uma mesma pessoa controle os acessos de pedestre e da garagem. As despesas com luz e água costumam ser mais uniformes. Observe no entanto, que a iluminação fluorescente é mais econômica que a incandescente. Outro item que entra na cesta de preços é a taxa de administração, que deve ficar na casa dos 10%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.