Confiança da indústria cai 0,2% em junho, pela 1ª vez no ano

Na comparação com mesmo mês de 2011, o recuo do indicador da FGV é maior: 3,5% 

Wladimir D'Andrade, da Agência Estado,

27 de junho de 2012 | 08h21

SÃO PAULO - O Índice de Confiança da Indústria (ICI) sofreu a sua primeira queda do ano ao recuar 0,2% em junho, informou a Fundação Getúlio Vargas (FGV). O indicador passou dos 103,4 pontos registrados em maio para 103,2 pontos no mês seguinte. No mês passado, o índice havia apresentado uma leve alta de 0,1% sobre abril.

Na comparação com junho do ano passado o índice de confiança da indústria recuou 3,5% na divulgação de hoje. Em maio, na comparação com o mesmo mês de 2011, o índice havia apresentado queda de 6,0%. De acordo com a FGV, com o resultado de junho, o índice permanece abaixo da média histórica recente, de 105,9 pontos, pelo 12º mês consecutivo.

A primeira queda do ano do ICI foi motivada pela piora das expectativas do empresário em relação aos meses seguintes. De acordo com a FGV, o Índice de Expectativas (IE) recuou 1,4% em junho na comparação com o mês anterior ao passar de 103,4 para 102,0 pontos - a primeira variação negativa após três altas consecutivas. Em maio ante abril, o IE havia subido 0,9%.

O Índice da Situação Atual (ISA) apresentou um comportamento inverso. Saiu de queda de 0,5% verificada em maio sobre o mês anterior para uma alta de 0,9% em junho, na comparação mensal. O ISA atingiu, na divulgação de hoje, 104,4 pontos, ante 103,5 pontos registrados em maio. Este é o maior valor deste indicador desde julho de 2011 (107,4).

O nível de utilização da capacidade instalada (Nuci) da indústria também sofreu um leve recuo em junho, ao passar de 84,0% em maio para 83,8%. 

Tudo o que sabemos sobre:
IndustriaconfiançaFGV:

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.