Confiança de empresas da Itália surpreende e sobe

A confiança do empresariado da Itália inesperadamente aumentou em novembro, segundo dados do instituto nacional de estatísticas, o Istat. O índice de confiança das empresas subiu para 94,4, em base ajustada sazonalmente, do dado revisado de 94,2 em outubro, que havia sido calculado inicialmente em 94,0. A estimativa dos economistas ouvidos pela Dow Jones era de queda para 93,1.

DANIELLE CHAVES, Agencia Estado

28 de novembro de 2011 | 07h46

O índice de confiança do segmento de bens de consumo subiu de 96,0 em outubro para 97,8 em novembro, o do segmento de bens intermediários aumentou de 94,9 para 95,3 e o de bens de capital caiu de 91,3 para 91,0. No segmento de serviços, o índice de confiança recuou para 85,0 em novembro, de 87,4 em outubro. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
empresasconfiançaItália

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.