Confiança do comerciante paulistano recuou 9,4% em julho

O nível de confiança dos comerciantes da capital paulista diminuiu 9,4% em julho, informou nesta quarta-feira, 21, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP). O Índice de Confiança do Empresário do Comércio (Icec), calculado pela entidade, saiu de 114,9 pontos em junho para 104,2 pontos no mês passado.

Agencia Estado

21 de agosto de 2013 | 12h30

"Pela quarta vez consecutiva, o indicador mensal da FecomercioSP apresentou queda na pontuação", afirmaram os técnicos da entidade. Com isso, o Icec atingiu o nível mais baixo desde julho de 2012, quando estava em 105,4 pontos.

O indicador varia numa escala de 0 a 200 pontos e apresentou menos otimismo nos três subíndices que o compõem. O subíndice que apura as Condições Atuais do Empresário do Comércio (Icaec) recuou 17,7%, ao passar de 89,4 pontos em junho para 73,6 em julho; a Expectativa do Empresário do Comércio (Ieec) caiu 8,2%, indo de 149,4 para 137,1 pontos; e o Índice de Investimento do Empresário do Comércio (Iiec) registrou declínio de 3,9%, variando de 106 para 101,9 pontos.

Para a FecomercioSP, a retração está diretamente relacionada à deterioração do quadro macroeconômico atual - com a desaceleração no ritmo das vendas do varejo -, ao encarecimento do crédito e à perda do poder de compra dos salários.

Tudo o que sabemos sobre:
confiançaFecomercio-SPjulho

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.