bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Confiança do consumidor britânico melhora em março

A confiança dos consumidores britânicos avançou em março para o maior nível desde agosto de 2007, mostrou pesquisa publicada pela GfK, sugerindo que os gastos dos consumidores permanecerão elevados nos próximos meses.

AE, Agencia Estado

27 de março de 2014 | 22h01

A pesquisa foi conduzida antes da apresentação do orçamento anual pelo ministro de Finanças, George Osborne, em 19 de março. No evento, Osborne anunciou um afrouxamento nas regras da aposentadoria e incluiu um modesto corte de impostos, o que poderia melhorar ainda mais o indicador.

A confiança do consumidor avançou para -5 em março, de -7 em fevereiro. Com isso, o indicador acumula alta de 22 pontos sobre o mesmo mês do ano passado, o maior aumento anual em mais de quatro anos.

A melhora pode refletir, em parte, a desaceleração inflacionária no Reino Unido e um gradual aumento nos salários, o que aliviou a pressão sobre as finanças das famílias nos últimos meses. Dados oficiais mostraram que as vendas no varejo melhoraram em fevereiro.

Nick Moon, diretor gerente da divisão de pesquisas sociais do GfK, declarou ser improvável que algo anunciado no orçamento anual irá reverter a melhora no sentimento dos consumidores para este ano. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Reino unidoconfiançamarço

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.