finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Confiança do consumidor dos EUA cai a 71,2 em outubro

O índice de confiança do consumidor norte-americano medido pelo Conference Board caiu fortemente para 71,2 em outubro, de uma leitura revisada de 80,2 em setembro. Economistas consultados pela Dow Jones previam um recuo menor do indicador, para 74,5.

STEFÂNIA AKEL, Agencia Estado

29 de outubro de 2013 | 12h45

As expectativas dos consumidores para a atividade econômica nos próximos seis meses recuaram para 71,5 neste mês, de 84,7 em setembro. Já o índice de situação presente, que mostra a avaliação dos consumidores em relação às atuais condições econômicas, teve queda para 70,7 em outubro, de 73,5.

No que diz respeito ao emprego, 11,3% dos entrevistados disseram haver "oferta ampla" de emprego em setembro, número inalterado em relação a setembro, enquanto 35,8% consideraram "difícil" conseguir um emprego, acima de 33,6% no mês passado.

O porcentual de consumidores que esperam ver mais emprego nos próximos seis meses caiu para 15,3% em outubro, de 16,1% em setembro, enquanto os consumidores esperando por oferta menor de emprego subiu para 22,7%, de 19,1%.

A pesquisa mostrou também que 15,8% dos consumidores esperam que sua renda aumente nos próximos seis meses, ante 15,1% em setembro.

Tudo o que sabemos sobre:
EUACONSUMIDORCONFIANÇA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.