Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Confira as dicas da cartilha do racionamento

A crise energética pegou os brasileiros desprevenidos, e com o racionamento a única opção é começar imediatamente a economizar energia elétrica. O portal www.estadao.com.br preparou uma cartilha completa para que o consumidor residencial entenda as medidas e possa planejar o seu gasto. O planejamento é essencial, pois quem não contiver gastos pode ter surpresas desagradáveis. Além de pagar caro pelo consumo acima da meta definida pelo governo, o descumprimento da determinação de corte de 20% no consumo que ultrapassar 100 kWh/mês resultará em corte no fornecimento por três dias no primeiro mês e de seis a cada reincidência mensal. O limite mínimo de 100 kWh/mês está garantido para todas as residências, mas vale lembrar que a família média das regiões em que vigora o racionamento gasta mais do que isso. Acesse a cartilha pelo finanças pessoais ou pelo link abaixo e conheça como o programa do governo afeta a sua residência, veja quanto gasta cada eletrodoméstico e veja quais precauções devem ser tomadas para evitar incêndios e danos aos aparelhos eletroeletrônicos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.