coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Congresso argentino elimina imposto sobre importação de diesel

O Congresso argentino aprovou ontem à noite uma medida de emergência para eliminar o imposto sobre importação de óleo diesel numa tentativa de manter a frota agrícola em operação e conter a alta dos preços do combustível no mercado doméstico. Ao mesmo tempo, os parlamentares sugeriram que a lei aprovada é a primeira de um conjunto de leis para regular o setor de energia.A Câmara dos Deputados votou pela isenção do imposto sobre importação de diesel uma vez que os fazendeiros estão enfrentando problemas com os preços elevados e a escassez do combustível. "A nova lei é uma medida de emergência", disse Arturo Lafalla, presidente da Comissão de Energia e Combustível da Câmara argentina. "Mas ainda há muito para ser feito", acrescentou. Leia o especial

Agencia Estado,

23 de maio de 2002 | 15h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.