Conjuntura mundial começa melhorar, diz estudo

O clima conjuntural mundial recuperou-se quase que totalmente desde a histórica queda experimentada logo depois dos ataques terroristas nos Estados Unidos, no dia 11 de setembro. De acordo com um estudo do Instituto de Investigações Econômicas (Ifo), de Munique, o clima voltou para 84,1 pontos, patamar igual ao de antes desses atentados. Esse clima é medido com base em consultas feitas entre 890 especialistas de empresas e de institutos de investigação de 80 países.Depois dos ataques ao World Trade Center, em Nova York, e ao Pentágono, em Washington, o clima conjuntural internacional caiu para 70,7 pontos, o mais baixo dos últimos 20 anos, diz o documento do Ifo. O informe do instituto mostra que a esperada recuperação do clima conjuntural mundial deverá ocorrer nos próximos seis meses. De acordo com esses especialistas, essa recuperação será mais visível no setor de investimentos, a mais afetada pelos acontecimentos de 11 de setembro. Outro setor que deve mostrar notável recuperação, segundo o estudo do Ifo, é o de consumo, que já vem experimentando um sólido crescimento. O estudo do Ifo conclui ainda que a economia norte-americana vem reagindo melhor do que a européia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.