Conselho da Anatel adia novamente votação do PGO

O Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) adiou, mais uma vez, a votação da proposta de reformulação do Plano Geral de Outorgas (PGO). A reformulação permitirá à Oi concluir a compra da Brasil Telecom. A reunião do conselho da Anatel é fechada a jornalistas e aos assessores de imprensa da agência. Técnicos da Anatel informaram à Agência Estado que, desta vez, o adiamento da votação se deu em razão da apresentação de um pedido de vista do processo feito pelo conselheiro Antonio Bedran. Na semana passada, a votação foi adiada por um pedido do presidente da Anatel, Ronaldo Sardenberg.A proposta deverá voltar à pauta de votação na próxima semana. Hoje, foi adiada também a votação do Plano Geral de Atualização da Regulamentação de Telecomunicações (PGR). Neste caso, houve prorrogação de um pedido de vista feito na semana passada também por Sardenberg.Na semana passada, o presidente da Anatel pediu o adiamento com o objetivo de ganhar tempo para tentar alcançar um consenso dos diretores em torno das duas propostas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.