Conselho da OSX aprova contrato de afretamento de plataforma

O conselho de administração da OSX aprovou a celebração de contrato de afretamento da plataforma flutuante (FPSO, na sigla em inglês) OSX-4, informou a empresa de construção naval do empresário Eike Batista nesta quarta-feira.

Reuters

26 de setembro de 2012 | 19h32

Os conselheiros aprovaram ainda contrato de operação do FPSO OSX-2, de acordo com ata de reunião arquivada na Comissão de Valores Mobiliários, datada de 17 de setembro.

Tanto o contrato de afretamento quanto o de operação das FPSOs estão relacionados a acordos feitos com a OGX, empresa de petróleo de Eike Batista.

O documento não apresentou valores dos contratos nem informações adicionais.

Na terça-feira, a OSX informou que o seu conselho aprovou apresentação de proposta pela companhia a fim de participar de licitação da Petrobras para contratação de afretamento e operação de um navio-plataforma FPSO. .

No mesmo dia, a companhia afirmou que não celebrou nenhum acordo que possa resultar em união com a Sete Brasil, empresa que ganhou licitação para entregar várias sondas à Petrobras. .

(Por Fábio Couto)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSOSXFPSO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.