BR Distribuidora/Divulgação
BR Distribuidora/Divulgação

Conselho da Petrobrás aprova venda de participação remanescente na BR Distribuidora

Estatal ainda detinha participação de 37,5% na distribuidora de combustíveis, que foi privatizada em julho do ano passado; transação ocorrerá por meio de oferta pública secundária de ações

Agências Internacionais, Reuters

26 de agosto de 2020 | 23h17

O conselho de administração da Petrobrás aprovou nesta quarta-feira, 26, a proposta para a venda da participação remanescente de 37,5% detida pela estatal na BR Distribuidora, conforme indicou um fato relevante publicado pela companhia.

Segundo o comunicado da Petrobrás, a transação ocorrerá por meio de uma oferta pública secundária de ações (follow on), cujo lançamento será definido posteriormente e está sujeito a condições de mercado, aprovação de órgãos internos da petroleira e análise da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e outros órgãos reguladores.

“Esta operação está alinhada à otimização do portfólio e à melhoria de alocação do capital da companhia, visando a geração de valor para os seus acionistas”, disse a estatal na nota.

A BR Distribuidora foi efetivamente privatizada em julho do ano passado, quando a Petrobrás —até então controladora da distribuidora de combustíveis— reduziu sua participação na companhia de 71,25% para os atuais 37,5%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.