coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Consórcio anuncia formalmente compra do ABN Amro

Comunicado dos bancos liderados pelo RBS encerra formalmente batalha que se arrastava desde março

Associated Press,

10 de outubro de 2007 | 11h24

O consórcio de bancos liderado pelo Royal Bank of Scotland anunciou nesta quarta-feira, 10, seu êxito na compra do holandês ABN Amro, fechando a maior aquisição da história do setor financeiro. Veja também: Santander planeja ter marca única e extinguir Real O que muda com a compra do ABN Amro pelo Santander   O pagamento pelos 86% das ações obtidos pelo consórcio acontecerá no dia 17 de outubro, segundo comunicado do consórcio, que inclui também os bancos Santander e Fortis, O anúncio encerra formalmente a batalha para comprar o ABN, que começou em março e foi finalmente resolvida após o rival Barclays assumir a derrota de sua oferta, na última sexta-feira. Além disso, o consórcio divulgou que vai estender sua oferta aos acionistas que ainda não aderiram até 31 de outubro. O grupo vai dividir o ABN. O Fortis deve ficar com as operações holandesas do banco, o Santander com Brasil e Itália e o RBS com o resto, incluindo as operações nos países da Europa, Ásia e das Américas que não ficarão com nenhum outro membro do consórci

Tudo o que sabemos sobre:
ABNSantander

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.