Consórcio de imóveis bate recorde no 1º quadrimestre

O setor imobiliário coleciona neste ano recordes não apenas nos financiamentos bancados com recursos da poupança para a compra da casa própria. O consórcio imobiliário bateu recorde de participantes no primeiro quadrimestre de 2008. De janeiro a abril, mais de 484 mil pessoas pagaram cotas de consórcio para compra de um imóvel, segundo a Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios (Abac). O total de participantes é 15,4% maior em relação ao mesmo período de 2007 e o mais alto registrado desde os anos 90.?O segmento de consórcio imobiliário tem se mostrado atrativo porque não há cobrança de juros. É uma espécie de poupança programada?, disse o presidente da Abac, Rodolfo Montosa. Os números da entidade mostram também crescimentos expressivos no total de consorciados contemplados com cartas de crédito. De janeiro a abril, 19,4 mil consorciados foram contemplados, um volume 27,2% maior na comparação com o mesmo período do ano passado.As vendas no primeiro quadrimestre deste ano totalizaram 63,5 mil cotas e tiveram um recuo de 1,4% na comparação com igual período do ano anterior. Segundo a entidade, o decréscimo é explicado pelo menor número de dias úteis. De acordo com a Abac, o consórcio imobiliário permite a compra de imóvel que pode ser terreno, casa ou apartamento, tanto para fins residenciais como comerciais. A grande maioria dos consorciados opta por imóveis residenciais novos econômicos, na faixa de R$ 70 mil. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.