Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Consultas ao SPC no País caem 18% em abril

Índice revela desaquecimento na concessão de créditos; acumulado do ano é de 13,8%

AE, Agencia Estado

15 de maio de 2009 | 13h26

As consultas de lojistas ao histórico de inadimplência dos consumidores em todo País no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) caíram 18% em abril ante o mesmo mês de 2008. No Estado de São Paulo, a queda foi de 20,2% na mesma comparação, informou nesta sexta-feira, 15, a Associação Comercial de São Paulo (ACSP). O indicador revela um desaquecimento na concessão de crédito, já que a consulta é feita antes de empréstimos, abertura de crediários ou aceitação de cheques. Os dados são do SPC e do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) de 2.118 municípios brasileiros.

Em relação a março, a redução das consultas em abril foi de 9,5% no País e de 12,7% no Estado de São Paulo. No acumulado de janeiro a abril a queda foi de 13,9% no País e de 13,8% em São Paulo.

A ACSP relaciona a baixa nas consultas à crise internacional e à quantidade de feriados em abril - foram dois, prolongados. Além disso, a associação informa que abril de 2008 foi um mês forte nas vendas e na concessão de crédito, por isso a grande diferença quando comparado com o mesmo período de 2009.

Apesar dos indicadores, o presidente da ACSP, Alencar Burti, diz manter a confiança na economia brasileira. Ele acredita que a retração do crédito não vai desanimar os empresários. "As condições econômicas do País ajudarão a vencer os obstáculos impostos pela crise mundial", disse Burti.

Tudo o que sabemos sobre:
créditoinadimplênciaSPC

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.