Consultas aumentam no SCPC e Telecheque

Dados da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) mostram que o número de consultas ao Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) - indicador das vendas a prazo - cresceu 1,5%, sobre maio de 1999. O telecheque - indicador das vendas à vista - subiu 6,8% sobre o mesmo mês do ano passado. A Associação também informou que a inadimplência continua em patamar inferior ao do ano passado. Houve aumento no número de registros recebidos - carnês em atraso - em maio, mas o resultado não é significativo na análise da entidade. O número de registros recebidos caiu 6,5% na comparação com maio de 99 e subiu 4,5% diante de abril deste ano. A Associação esta divulgando hoje também, uma pesquisa sobre cheques sem fundos cadastrados no banco de dados do Telecheque, serviço mantido pela entidade. O levantamento mostrou que a média de cheques devolvidos por emitente, aumentou de 9,1% para 10,9%, sendo que 64% dos entrevistados acusaram mais de 5 registros, contra 55% na pesquisa anterior. Comércio varejista registra elevação no faturamento O faturamento real do comércio varejista dessazonalizado - descontados os ganhos por ocasião de eventos temporários, como o Dia das Mães - da região metropolitana de São Paulo aumentou 13,26% em abril contra a queda de 7,87% ocorrida em março. Os dados fazem parte da Pesquisa Conjuntural do Comércio Varejista (PCCV) realizada pela Federação do Comércio do Estado de São Paulo (FCESP) e divulgada em parceria com a Agência Estado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.