Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Consumidores fazem fila nos postos da Eletropaulo

O anúncio das medidas do governo para diminuir o consumo de energia elétrica no País fez centenas de pessoas procurarem os postos de atendimento da Eletropaulo na manhã de ontem. Na agência Ipiranga, só na parte da manhã, mais de 200 pessoas passaram pela agência. O vendedor Marco Antônio Vaz Marques, de 38 anos, por exemplo, teve consumo zero em julho do ano passado e queria saber como seria feita a média do consumo. "Um funcionário explicou que a média seria feita então com os meses de junho, julho e agosto." Mas o aposentado Clyde Gaya da Costa, de 73 anos, com o mesmo caso, teve outra orientação. "Disseram para eu voltar para casa e esperar a carta que a Eletropaulo vai mandar indicando o quanto devo consumir."Segundo o representante do posto, Wilson Alcântara, Alcântara, boa parte das dúvidas era de consumidores que se mudaram para uma residência há menos de um ano e não sabiam como calcular a média. "Temos de esperar a definição do governo a respeito dos casos especiais para orientar o consumidor", explicou.Linhas congestionadasO movimento de consumidores tentando tirar dúvidas se estendeu também ao serviço de atendimento ao consumidor, o 0800-196196. A assessoria de imprensa da Eletropaulo informou que deve haver mudanças no atendimento, mas ainda não há nada previsto. Ontem, diretores da empresa participaram de uma reunião em Brasília para definir outros detalhes sobre as medidas anunciadas na última sexta-feira.No serviço de atendimento da ouvidoria da Comissão de Serviços Públicos de Energia da Secretaria de Energia do Estado (0800-555591), as linhas também permaneceram congestionadas. De acordo com Zani Kann, titular da comissão, o serviço de atendimento da secretaria deve ser ampliado em uma semana. A linha irá funcionar 24 horas por dia, com 20 pontos de atendimento, e não 8, como é feito atualmente. Segundo ele, a média de 200 consultas por dia praticamente dobrou na última semana, chegando a 400 ligações diárias. O consumidor também pode tirar dúvidas pela Internet, no e-mail cspe@sp.gov.br.

Agencia Estado,

22 de maio de 2001 | 13h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.